14/08/2018

As figuras paternas de Harry Potter

||

Domingo foi Dia dos Pais e eu queria que esse post tivesse saído antes disso, mas como já sabem, eu sou muito enrolada. Hoje vamos falar um pouco sobre algumas figuras paternas que o Harry teve ao longo da história, mesmo não tendo o seu pai, James Potter. Essas figuras vieram naturalmente por amigos, professores e padrinho.

Hagrid



A primeira figura paterna, cronologicamente falando e um dos mais injustiçados nesse posto é o Hagrid. Rubeo Hagrid foi quem levou Harry ainda bebê na Rua dos Alfaneiros, nº4. Foi quem lhe deu a notícia de que era um bruxo e que iria frequentar Hogwarts. Foi quem o acompanhou nas compras pro primeiro ano da escola, foi quem lhe presenteou com Edwiges e foi um amigo fiel de Harry, Rony e Hermione durante todo o tempo. E no fim, numa das cenas mais emblemáticas dos oito filmes, quem carregou Harry foi ele, nosso meio-gigante preferido. Por Hagrid ser um pouco desligado e muito ingênuo, alguns não o veem como uma figura paterna pro Harry, mas sim como um irmão mais velho. Mas ser visto como um irmão mais velho não é demérito algum, muitos são criados por seus irmãos mais velhos. Acredito que Harry nunca tenha o visto como um pai, por ele sempre estar metido em alguma confusão, e ter esse jeitão parceiro desligado que só ele tem.

Dumbledore


A segunda figura e provavelmente mais importante, com certeza é Dumbledore. O professor e diretor sempre foi uma presença muito forte na vida do Harry, tanto que desenvolveram uma amizade e lealdade muito forte por parte do garoto. Lealdade essa que foi demonstrada em vários momentos da saga. Apesar de Dumbledore manter a distância em alguns momentos, afinal ele era o diretor da escola e não podia mostrar publicamente sua preferência por ele, sempre esteve ali dando conselhos pontuais e muito importantes na formação de caráter de Harry. Harry sempre o viu como alguém que pudesse contar e proteger em todas as situações. 

Arthur


Arthur Weasley é provavelmente a figura de pai mais comum a nós meros mortais. Aquele homem de bem que trabalha arduamente pra dar o sustento de uma família de sete filhos. Tem um bom coração, é amável e carinhoso com a esposa e sempre está disposto a ajudar. Ele e Molly praticamente adotaram Harry como filho. Os enchem de amor e cuidado, além de cama quentinha e comida fresquinha quando ele está na Toca.

Lupin


Mais uma presença de um amigo, mas não menos paterno por isso. Lupin é provavelmente um dos professores preferidos de todos os alunos de Hogwarts e de nós também. Ele estava sempre disposto a ajudar com muita paciência. É um bom amigo, leal, justo. Mesmo enfrentando a licantropia, Lupin não deixava de ajudar os amigos, incluindo Harry, a quem ensinou a conjurar o feitiço do Patrono. Harry ainda foi escolhido como padrinho do filho de Lupin e Tonks. O fato de Lupin ter sido muito amigo de James Potter, também o aproximou de Harry.

Sirius


A figura paterna que Harry mais considerava como tal, seu padrinho Sirius Black. Depois de descobrir a verdade sobre Black e que ele era o melhor amigo do seu pai e também seu padrinho, o sonho de Harry ter uma família e um lar pra chamar de seu, finalmente estava ali diante dele. Por conta disso, o menino se apegou tanto a Sirius e sempre recorria a ele em momentos de incertezas. Infelizmente, e sem motivo algum, essa relação tão bonita foi tirada de Harry da forma mais banal e estúpida que teve nos livros. 


Como podemos ver, Harry foi cercado de bons homens que o ajudaram e apoiaram em vários momentos de sua vida e quem, de certa forma, ajudaram a formar o homem que Harry Potter se tornou.



06/08/2018

Homem-Formiga e a Vespa: diversão em família

||


Mês passado entrou em cartaz o segundo filme do Homem-Formiga, dessa vez dividindo o protagonismo e o heroísmo com a Vespa. Confiram a sinopse:

Após ter ajudado o Capitão América na batalha contra o Homem de Ferro na Alemanha, Scott Lang (Paul Rudd) é condenado a dois anos de prisão domiciliar, por ter quebrado o Tratado de Sokovia. Diante desta situação, ele foi obrigado a se aposentar temporariamente do posto de super-herói. Restando apenas três dias para o término deste prazo, ele tem um estranho sonho com Janet Van Dyne (Michelle Pfeiffer), que desapareceu 30 anos atrás ao entrar no mundo quântico em um ato de heroísmo. Ao procurar o dr. Hank Pym (Michael Douglas) e sua filha Hope (Evangeline Lilly) em busca de explicações, Scott é rapidamente cooptado pela dupla para que possa ajudá-los em sua nova missão: construir um túnel quântico, com o objetivo de resgatar Janet de seu limbo.

Com o peso de estrear poucos meses depois de Vingadores: Guerra Infinita, Homem-Formiga e a Vespa mantém a mesma fórmula do primeiro, humor, leveza e agilidade. O mote principal é trazer de volta Janet Van Dyne, mãe de Hope, esposa do Hank e primeira Vespa que ficou subatômica em uma situação de risco, o que foi muito citado no outro filme. Dessa vez as chances de recupera-la são reais e pai e filha trabalham lado a lado pra isso acontecer, mas precisam da ajuda do Scott que encontra-se em prisão domiciliar. A relação dos três já não é mais a mesma, desde o ocorrido em Capitão América: Guerra Civil, por conta disso, Hank e Hope se mantém escondidos e trabalhando numa forma de trazer Janet de volta. 

A vilã da história é boa na luta corpo a corpo mas foi pouco aproveitada, na verdade, a história por trás dela é um pouco rasa, assim como foi com Jaqueta Amarela (vilão de Homem-Formiga). Então o que chama mais atenção é a dinâmica visual que o filme tem. As cenas que Vespa e o Homem-Formiga estão em ação, encolhendo e voltando ao seu tamanho numa velocidade e flexibilidade alta é ótimo de acompanhar, fora que esses recursos também são usados em objetos e prédios. Tudo é muito atrativo e salta aos nossos olhos.

Muito bacana também ver o protagonismo de uma heroína, que toma conta de boa parte do filme, em muitos momentos o Homem-Formiga é quase um coadjuvante, mas em vários outros temos um bom trabalho de equipe.

O grande ponto desse filme também é a diversão e humor, apesar de eu particularmente ter me divertido mais no anterior (isso é algo estritamente pessoal), a relação do Scott e a filha, o Luís e outros vários diálogos são divertidos e nos geram boas risadas. É um humor bem simples e quase um filme de Sessão da Tarde (no melhor significado da expressão), é um filme pra família, onde todas as idades podem assistir juntos e se divertirem juntos.

Só não vá assistir achando que Homem-Formiga e a Vespa lhe darão boas respostas sobre o ocorrido em Guerra Infinita

Já assistiram? Deixe seu comentário, sem spoilers, aqui embaixo.



31/07/2018

2 anos de Ei Nati

||



É estranho e ao mesmo gratificante pensar que o blog completa hoje 2 anos de vida. O estranho fica por conta de não saber como cheguei até aqui. Bem, na verdade eu sei, a ideia era reinventar o meu blog antigo(Planet Pink) e recomeçar do zero e eu queria sim um espaço pra investir meu tempo e esforço e dinheiro e que ele viesse um dia a se tornar meu emprego já que eu estava desempregada na época. Eu continuo desempregada e o Ei Nati continua sendo um trabalho não remunerado(espero que por pouco tempo), mas saber que estou na blogosfera há 8 anos é muito estranho e louco. Logo eu que geralmente desiste das coisas e as deixa pelo caminho. Logo eu que não acredito muito na minha capacidade e acho que meu blog é inferior a outros. Logo eu que sou uma montanha-russa de emoção relacionado ao blog, uns dias estou super animada e cheia de ideias, no outro penso "pra que to fazendo isso?"

Mas ao mesmo tempo que isso tudo ocorre, é gratificante saber que cheguei a essa data, que tem gente que me acompanha, que lê o que escrevo e comenta, que compartilha, que deixa um elogio, que segue nas redes sociais e interage. É uma vitória pessoal comemorar dois anos de blog e agradeço por estarem aqui comigo, no momento dessa vitória e em toda caminhada(ou parte dela).
Queria fazer um texto bem mais longo, profundo e carregado de sentimentos, mas acho que hoje estou com poucas palavras, e que essas são bem sinceras e isso que vale.

Para comemorar, tá rolando sorteio(clica aqui) e também terá um sorteio especial no instagram.

Daqui pra frente quero melhorar cada vez mais o conteúdo que trago pra vocês, alinhar as categorias e filtrar o que realmente vale continuar, mudar a identidade e layout e trazer várias outras novidades que espero que o ânimo e meu adormecido espírito empreendedor permitam.

Espero os parabéns de vocês aqui nos comentários, hein? Aproveitem, também, pra deixar sugestões do que vocês gostariam de ver mais por aqui no Ei Nati.

E mais uma vez, muito obrigada!


24/07/2018

Resenha: Por favor odeie-me

||


*E-book cedido pela editora parceira*
Classificação: 3 ⭐


Lavínia e Connor são lindos, jovens e casados, mas nem por isso formam um casal feliz. Eles casaram depois de descobrir sua gravidez, mas aos poucos foram percebendo que talvez não tenha sido a melhor ideia. Depois do aborto espontâneo, isso ficou ainda mais evidente, principalmente pro Connor que vivia traindo a esposa descaradamente e ofensivamente. Lavínia mesmo ciente dessa situação continua apaixonada pelo marido, mas decidida a provar a ele que ela consegue odiá-lo.

O livro é bem curto e a autora constrói bem seus personagens complexos e inseguros. Mas prefiro enxergar Por favor odeie-me como uma análise de um tipo de relacionamento amoroso. E explico porquê. A relação criada nessa história é muito distante da minha e do que eu acredito, e a autora soube criar tão bem os personagens que se eu encarar como um romance, vou apenas odia-los com todas as minhas forças. Então o título do livro teria surtido efeito sobre mim rs. 

Isso não tira o mérito do livro, de forma alguma, é só um modo de encara-lo para tentar entender melhor as atitudes dos personagens.
Aqui podemos ver um relacionamento nocivo e cheio de rancor e como o amor ou uma cega paixão acaba andando lado a lado com esses sentimentos ruins. Connor diz que ama Lavínia mas mesmo assim a machuca com suas atitudes, Lavínia diz que ama Connor, mas sem se amar primeiro e se colocando numa situação miserável sem necessidade. 

Por favor odeie-me me fez pensar em como há pessoas que se mantém em situações tão absurdas por conta de um sentimento que consideram amor. Em como elas podem ferir a si próprias de uma forma tão cruel.

Será que o amor irá prevalecer? Amor e ódio sempre andam juntos? Vocês podem conferir essa história, que mesmo curta conta com uma pequena reviravolta, clicando aqui e adquirindo seu livro.





10/07/2018

Sorteio: 2 anos de Ei Nati

||

Esse mês é aniversário do Ei Nati! No dia 31 de julho o blog completa 2 anos de vida, e 2 anos que eu decidi renovar meu blog anterior e começar um novo do zero. Lógico que uma data tão importante não passaria sem uma festa, por isso 12 blogs incríveis vieram participar da comemoração comigo!

Serão 2 kits, um para cada vencedor, cheio de livros e prêmios ótimos. Mais pra frente teremos um post especial de aniversário, mas por enquanto fiquem com as regras do sorteio:

01. O vencedor precisa residir, ou ter endereço de entrega, em território nacional; 
02. O período de inscrição será do dia 10/07/2018 ao dia 10/08/2018
03. Cada BLOG PARTICIPANTE ficará responsável pelo envio de seus respectivos prêmios; 
04. O prazo de envio é de até 60 DIAS ÚTEIS;
05. Os BLOGS PARTICIPANTES não se responsabilizam por danos, extravios ou retornos das encomendas; 
06. Os vencedores terão um prazo de 48 HORAS ÚTEIS, após receber o e-mail avisando do resultado, para responderem. Caso contrário, o sorteio de quem não responder será refeito;
07. No e-mail constará a LISTA DE LIVROS do kit de cada ganhador, livro; 
08. O contato com os vencedores será feito POR E-MAIL, apenas;
09. O resultado da promoção está previsto para ser divulgado no dia 13/08/2018;
10. Este sorteio é de caráter recreativo/cultural, conforme item II do artigo 3º da Lei 5.768 de 20/12/71 e dispensa autorização do Ministério da Fazenda e da Justiça, não está vinculada à compra e/ou aquisição de produtos e serviços e a participação é gratuita;
11. Perfis falsos ou exclusivos para promoções serão desclassificados; 
12. Na opção de "visit on Facebook" no formulário, é obrigatório curtir a página e não só visitar;




Blogs participantes e respectivos prêmios:
Conduta Literária - Tartarugas até lá embaixo, John Green
Seguindo o coelho Branco - Um Novo Mundo - Gagui Joined The Game + 5 marcadores
Roendo Livros - Silas Marner, O Tecelão de Raveloe
Pétalas de Liberdade - O lado escuro da madrugada
Você é tão livro - kit de marcadores
Vivendo Sentimentos - Kit com 30 marcadores
Ei Nati - Os Gêmeos + 15 marcadores





Blogs participantes e respectivos prêmios:

Livreando - Um Sedutor sem Coração
Eu Pratico Livroterapia - Com Outros Olhos
Tudo que Motiva - 13 segundos
Sai da minha lente - Quando finalmente voltará a ser como nunca foi
Pobre Leitora - kit de 30 marcadores
Secret Magic - Kit de Marcadores, bloco e chaveiro
Ei Nati - Confissões de Inverno + 15 marcadores


Boa sorte a todos!

© Blog Ei Nati - 2016. Todos os direitos reservados.
Personalizado por: Natália Rabelo - Ilustrações por: Pedro Figueiredo Ilustrador
Tecnologia do Blogger.