Eterna: O som do amor

28 setembro

 

Sinopse: Bernardo Milano é um violoncelista talentoso que tem sua vida arrancada de forma abrupta: é assassinado no dia de sua estreia como solista no Theatro Municipal de São Paulo.
O crime choca todo o país, em especial a cientista Cecília Ferreira que sem saber, faz um trato com uma entidade voodoo. Bernardo desperta de seu túmulo, mas o milagre vem acompanhado de uma maldição: se de dia ele vive, à noite sua verdadeira face cadavérica é exposta.
Contra todas as (im)possibilidades, Cecília e Bernardo recebem do destino uma segunda chance. Conseguirão burlar a morte e fazer com que esta não se revele um caminho sem volta?

 *livro cedido pela autora*repostado do antigo blog*

Comprar o e-book | o livro





Não sei exatamente por onde começar essa resenha. Vocês devem ter pensado "pelo começo, oras!", mas é como dizem por aí e é uma grande verdade, quanto mais você gosta do livro mais é difícil escrever sobre ele. Parece que as palavras somem ou não são suficiente para descrevê-lo. Já passei por isso várias vezes, ao escrever resenhas aqui no blog e hoje me acontece isso novamente. Li Eterna: O Som do Amor em parceria com a autora Bianca Sousa e esse livro superou todas as expectativas que eu nem tinha e entrou para a lista de favoritos. 

O livro é um romance com toque sobrenatural. Ele se inicia mostrando um dia especial na vida do musicista Bernardo Milano que vai se apresentar no Teatro Municipal. Mas nessa mesma noite ele é assassinado de forma misteriosa, sem ter a oportunidade de se apresentar. Após a morte de Bernardo, a história é focada na vida de Cecília, uma jovem cética e que estuda muito, sempre voltada a ciência e experimentos. Cecília tem poucos amigos e mora numa cidade do interior e no seu aniversário de 30 anos acaba encontrando uma entidade vudu, sem ter muita consciência do que está fazendo e sem acreditar muito também.
Bernardo desperta da morte e acaba se apaixonando por Cecília, o sentimento é recíproco. E enfrentando as barreiras da morte esses dois estão cada vez mais próximos e entregues ao amor que sentem um pelo outro.

Eterna mistura sobrenatural com romance e me lembrou um pouco Amorteamo e Noiva Cadáver que tiveram também essa mistura entre morte e vida, amor e morte. É uma composição muito rica e que dá muita história interessante.

O início do livro me pareceu que seria uma escrita rebuscada e que poderia dificultar um pouco a leitura, mas foi só o refinamento das primeiras cenas. Ao longo do livro a escrita foi feita de forma natural, os diálogos tinham uma linguagem coloquial. Uma disposição de narração e diálogos. E muitos personagens cativantes, como Trovoada e Seu Amadeu, fantasmas amigos de Bernardo, Pedro melhor amigo do Bernardo, e o próprio Bernardo e Cecília que tinham muita química e sintonia. O amor deles foi construido naturalmente, daquele tipo que nos faz vibrar e torcer muito pelo casal.

Outra coisa que para mim não fazia muito sentido era a aparição dessa entidade vudu e porque justamente Bernardo ter despertado, mas depois em certo momento isso é explicado e começa a fazer sentido.

Me emocionei demais com a história de Eterna, fiquei totalmente conquistada por esse livro e tocada. Torci, vibrei e chorei. O romance é lindo, e a autora está de parabéns pela forma como conduziu todos os personagens. E além disso conta com vários momentos musicais e uma música própria!
Como eu disse no início, acho que não consegui passar tudo que senti lendo esse livro, mas quando vocês tiverem oportunidade, leiam.



Posts relacionados

13 Comments

  1. Veja só,esse livro sempre chamou minha atenção pela capa. Mas não tinha a menor ideia do que se tratava.E como adorei saber agora sobre ele!
    Que história emocionante!

    Será que o casal conseguirá uma segunda chance?
    Espero que sim! ❤

    ResponderExcluir
  2. Nossa, você disse uma verdade: quanto mais você gosta do livro, mais difícil é escrever sobre ele. Afinal, criticar é muito fácil, né? Falar bem que é o desafio hahaha. Achei a capa bem diferente, e a sua comparação com noiva cadáver já me deixou interessada. Amo histórias que envolvem sobrenatural, então acho que essa ia me agradar demais. Estarei aguardando pelas próximas resenhas.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Nati a proposta me chamou a atenção desde a sinopse, que ao mesmo tempo tem esse lado triste e dramático com uma carga romântica, acho que vou curtir r muito essa leitura
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá.
    Que linda resenha! Você motivou muito a leitura! Não conhecia, mas fiquei interessada e curiosa, pois gostei do tema. E por tudo que você comentou a respeito da obra, já me vi envolvida com esses personagens e a história. Resenha perfeita. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou tanto.
      Leia o livro assim que puder =)

      Excluir
  5. Gostei da sinopse.. Li recentemente um romance sobrenatural e foi bem bacana. Acredito que esse livro seja muito bom também já que entrou nos seus favoritos. Sem falar que é de autora nacional. Dá mais vontade ainda de ler!

    ResponderExcluir
  6. Também não é nada que eu imaginava não. Até o começo tava tudo legal, mas a partir do gato eu fui ficando cada vez mais wtff hahaha mas realmente, é bem original mesmo, e se a autora soube abordar bem esse feitiço, deve ter ficado muito bom! E essa capa é digna de minha estante (linda de viver) amei amei amei

    ResponderExcluir
  7. Obrigada pelo carinho, dona Nati! :D
    Adorei a resenha.

    ResponderExcluir